Pessoas que gostam disto

Sexta-feira, 15 de Fevereiro de 2013

A proposito da trapalhada das facturas

"A factura de um café que custa 60 cêntimos ou de almoço de seis euros não tem de ter o nome e o número de contribuinte do cliente. Essa obrigatoriedade só existe quando o consumidor quiser usar a despesa para conseguir um benefício fiscal, em sede de IRS, ou usar a factura para deduzir IVA. Além disso, só é obrigatório introduzir estes elementos quando o valor da factura for superior a mil euros."

Público on line de hoje

Eu sempre pensei que, quando pagamos qualquer coisa em qualquer lado, nos deve ser entregue um comprovativo daquilo que pagamos, seja esse comprovativo um talão de máquina, uma factura simplificada ou outra coisa qualquer, por isso concordo plenamente que seja obrigatória a emissão desses comprovativos.
No entanto, pedi-los ou não, deve depender da nossa própria iniciativa.

Vigiar o seu cumprimento, deve caber ao estado que o tornou obrigatório!

Quanto aos que têm medo que o estado siga os seus passos através da facturação, pois basta usar a lei, isto é, prescindir da colocação do seu número de contribuinte, a não ser em facturas superiores a mil euros, ou quando pretenda deduzir o IVA.

Assim fica, no entanto impedido de beneficiar de desconto no IRS, mas fica também desobrigado da chatice de ter, eventualmente, de guardar uma montanha de papelada durante 4 anos!
Tags:
publicado por João Mateus às 14:12
link do post | comentar | favorito
|

Lema do Blog

Pra melhor está bem...está bem. Pra pior já basta assim!

Mais sobre Mim

Projecto Esperança

Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

Os incêndios em Portugal

HOJE VAMOS FALAR DE POLÍT...

OU HÁ MORALIDADE OU COMEM...

A ESCRAVATURA MODERNA

RESPONSABILIDADE POLÍTICA...

EU, PECADOR, ME CONFESSO!

"Tão felizes que nós éram...

PORTUGAL O PAÍS DO TENDEN...

Os problemas da Democraci...

Os argumentos da direita ...

Arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Julho 2017

Junho 2017

Março 2017

Outubro 2016

Junho 2015

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Julho 2008

Novembro 2006

Outubro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Links

Viagens na Nossa Terra
Pretextos...
Ir até ao Alentejo
A Gazeta Saloia
Coutinho Afonso
Peralcovo

O Crónicas no Facebook

blogs SAPO

subscrever feeds